Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




5 Perguntas que NÃO deve fazer numa entrevista laboral

por superdicas, em 30.09.13
Entrevista de Emprego

Quando acaba a entrevista laboral, o recrutador ou júri pergunta sempre o mesmo "Você tem alguma pergunta?". Pois bem, é importante chegar ao fim da entrevista com tudo sabido sobre a proposta de emprego, no entanto algum passo em falso pode arruinar tudo o que você conseguiu anteriormente. A resposta para a pergunta é "Sim!". Claro que você vai ter dúvida, é impossível não ter dúvidas. Você está num lugar novo, e no horário da entrevista - normalmente de meia hora - não dá tempo para ficar a saber de tudo, por isso algumas coisas vão ficar por saber ao longo das próximas semanas. Basicamente você vai saber o que é o seu trabalho e também vai falar nas suas principais caraterísticas. Com o qual, é imprescindível perguntar uma vez até que chegue à parte final, de perguntas e respostas.

 

Ainda assim, é preciso ter muito cuidado com o que você pergunta, já que existem 5 perguntas que não deve fazer numa entrevista laboral. Isto não significa que você não pode fazer no futuro, mas que não deve fazer pelo menos durante o primeiro dia, porque pode dar uma má imagem de si mesmo. Aqui mostramos quais são as perguntas a evitar:

 

  1. Quanto ganharei? O salário é um tema muito delicado, e o entrevistador sabe. Por isso, se até ao fim da entrevista o salário não foi tema, não é porque o entrevistador se esqueceu, mas sim porque não quer falar disso. Você está proibido de perguntar, a não ser que esteja disposto a perder a oportunidade de emprego.
  2. Quando vão promover os trabalhadores? Esta pergunta não se deve fazer. Dá a sensação que você é do tipo de pessoas que trabalham com a promoção em mente, caso contrário você não vai fazer nada. Além disso, se você quisesse comentar esta questão, tudo bem, porque mostra interesse da sua parte. Você deve trabalhar dia a dia, dado o seu melhor diariamente.
  3. Posso trabalhar desde casa? Terei escritório? Uma vez mais, se o entrevistador não comentou nada, é porque não é o momento de entender. Não procure privilégios logo no primeiro dia de trabalho, além de ficar mal com o entrevista ao mostrar o seu ego difícil de controlar, é melhor estar com o resto dos trabalhadores ao entrar numa empresa, pois se acontecer algo, você vai saber logo.
  4. Quer ver as minhas referências? A entrevista de trabalho é como o primeiro dia. É importante atrair logo com o seu valor, para assim poder seguir no processo de recrutamento e ser escolhido. Se você oferecer a segurança que dão as suas referência no primeiro momento, você pode projetar uma certa imagem de insegurança e de necessidade, o qual não é nada bom para poder mostrar o seu valor.
  5. Vai seguir-me nas redes sociais? Esta pergunta deixa o entrevistador com a sensação que tem algo a esconder. Não suscite ao chefe ou entrevistador a vontade de espiar a sua vida nas redes sociais.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:45



Pesquisa

Pesquisar no Blog